BitcoinExchangeNoticiasSegurança

Upbit é investigada sob suspeita de fraude

Os reguladores da Coréia do Sul supostamente teriam invadido a maior bolsa de criptomoedas do país, a UPbit.

Conforme relatado pela CoinDesk Korea, os investigadores do Escritório do Ministério Público do distrito sul de Seul, na capital do país, vasculharam a sede da bolsa de criptomoedas no distrito de Gangnam-gu nos dias 10 e 11 de maio.

A UPbit é suspeita de fraude por supostamente vender criptomoedas aos clientes que ela não possui, de acordo com o relatório.

O Ministério Público declarou:

“Nós apreendemos discos rígidos e livros contábeis através da confiscação. Entretanto, espera-se que está investigação demore dias”. Ministério Público

Um representante da UPbit disse à CoinDesk Korea que: “Neste momento, eu não posso responder nada sobre esta apreensão”.

Veja Também: Análise Técnica Bitcoin, Ethereum, Bitcoin Cash e Ripple 11/05/2018

No entanto, o site de suporte da corretora confirmou a investigação em uma nota publicada hoje. Afirmando que seus serviços ainda estão em operação, dizendo:

“A [UPbit] está sob investigação pela promotoria e estamos trabalhando cuidadosamente. Os serviços da UPbit, como transações e retiradas, estão operando normalmente. Seus ativos estão sendo mantidos com segurança em sua conta, para que você possa ter certeza de que pode usar os serviços da UPbit”.

A notícia chega em um momento delicado para a maior criptomoeda do mundo, que recentemente caiu abaixo dos US$ 9.000. Atualmente a criptomoeda é negociada entorno dos US$ 8.500, e seu valor de mercado voltou a cair abaixo dos US$ 150 Bilhões.

Receba os principais destaques sobre Bitcoin 🔔📩

Mostre mais

Studio Bitcoin

Studio Bitcoin é um portal brasileiro de notícias e informações sobre Bitcoin, Blockchain e Criptomoedas.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Close

Adblock detectado

Por favor, considere nos apoiar, desativando o seu bloqueador de anúncios