BitcoinCriptomoedaNoticias

“Bitcoin é a maior Bolha da história”, diz Bank of America

O chefe da corporação financeira afirmou que o "Bitcoin é uma bolha, e que já está explodindo". A equipe mostrou um gráfico entre a mais famosa "euforia especulativa" financeira da história, para mostrar que o Bitcoin teve o maior crescimento e que já está explodindo.

Uma equipe de pesquisadores do Bank of America Merrill Lynch (BAML), argumenta que o Bitcoin é uma das “maiores bolhas de preço de ativos da história”.

Em uma nota publicada pela equipe liderada pelo estrategista e diretor de investimento, Michael Hartnett, o mercado atual foi descrito como uma bolha que já está explodindo.

A Bloomberg observou que a criptomoeda caiu mais de 65% desde que atingiu seu pico em dezembro, quando teve um valor de US$ 19.793 em média (embora em algumas corretoras tenha ultrapassado os US$ 20.000). Nesta segunda-feira, o Bitcoin tinha um valor de US$ 6.750 (hoje de US$ 6.900, mas não sobe ou desce muito mais do que esses preços).

Veja Também: Santander lança na Espanha e no Reino Unido o “OnePay”, um aplicativo baseado na Tecnologia da Ripple

A corporação bancária publicou um gráfico comparando o Bitcoin com as bolhas financeiras mais famosas da história, por exemplo, as da empresa americana Mississippi Company, South Sea Company no século XVIII, Gold, o crash da bolsa de valores dos Estados Unidos em 1929 e a famosa bolha das tulipas em 1637.

Bank of America

O gráfico mostra que a bolha do Bitcoin tem, uma margem significativa, sendo a maior alta de preço, em comparação com os outros ativos envolvidos em bolhas. De acordo com os pesquisadores, o preço das tulipas só aumentou cerca de 40 vezes. Em contraste, o preço do Bitcoin, em seu pico, foi quase 60 vezes maior do que o preço de três anos atrás.

O gráfico do Bank of America Merrill Lynch (BAML), mostra as consequências das famosas bolhas históricas, assim como seu período anterior, o que indica que, uma vez que os preços caem, eles permanecem em seus novos níveis mais baixos.

No entanto, a recente bolha do Bitcoin não é a maior que ele já sofreu. O preço da criptomoeda aumentou cerca de 120 vezes entre 2010 e 2011, antes de cair. Seu aumento entre 2013 e 2014 também foi muito mais acentuado do que o aumento do ano passado. Nesse sentido, as comparações entre a bolha de 2017 e as anteriores são injustas, segundo a nota, porque a bolha entre 2017 e 2018 teve mais capital investido no mercado do que os períodos anteriores.

O mesmo fator dificulta as comparações entre o Bitcoin e o mercado de ações. Por exemplo, em agosto de 1929, as listagens da Bolsa de Valores de Nova York valiam bem mais de US$ 1 trilhão, ajustadas pela inflação.

Mostre mais
loading...

Studio Bitcoin

Studio Bitcoin é um portal brasileiro de notícias e informações sobre Bitcoin, Blockchain e Criptomoedas.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Close

Adblock detectado

Por favor, considere nos apoiar, desativando o seu bloqueador de anúncios